13 de mai de 2009

Música - Linton Kwesi Johnson - The Dub Poet


Linton Kwesi Johnson nasceu em 24 de Agosto de 1952 em Chapelton, uma pequena cidade rural na freguesia de Clarendon, na Jamaica. Ele foi para Londres em 1963, estudou na escola secundária Tulse Hill e mais tarde estudou Sociologia no Goldsmiths' College, na Universidade de Londres.

Ainda na escola, participou do movimento Black Panthers, ajudou a organizar um workshop de poesia dentro do Panthers e desenvolveu seu trabalho com o Rasta Love, um grupo de poetas e percussionistas.

Em 1977 foi premiado um C Day Lewis Fellowship, tornou-se o escritor oficial do bairro londrino de Lambeth nesse ano. No Keskidee Center, a primeira casa de arte e teatro negro, Johnson tornou-se o responsável pela Biblioteca de Recursos e Professor. 
 
Os poemas de Linton apareceram pela primeira vez na revista Race Today. Em 1974, a Race Today publicou sua primeira coleção de poemas, Voices of the Living and the Dead

Dread Beat An ' Blood, sua segunda coleção, foi publicada em 1975 pela Bogle-L'Ouverture e é também o título de seu primeiro disco, lançado pela Virgin em 1978.

Nesse mesmo ano, foi lançado o filme Dread BeatAn ' Blood, um documentário sobre o trabalho de Linton. Em 1980, a Race Today publica seu terceiro livro, Inglan Is A Bitch. Nesta altura, Johnson já conta com quatro álbuns pelo selo Island: Forces of Victory (1979), Bass Culture (1980), LKJ in Dub (1981) e Making History (1983).

Linton Kwesi Johnson foi agraciado com os títulos da Associate Fellow of Warwick University (1985), como Honorary Fellow of Wolverhampton Polytechnic (1987) e recebeu o prêmio XIII Premo Internazionale Ultimo Novecento na cidade italiana de Pisa, pela sua contribuição para com a poesia e a música popular (1990).

LKJ já viajou o mundo, do Japão à nova África do Sul, da Europa ao Brasil e seu trabalho já foi traduzido para o italiano e o alemão. Sem surpresa, é reverenciado como o primeiro poeta dub.

(traduzido livremente do site oficial do artista)